Mater Christi celebra 21 anos de atividades

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

No último domingo (1/12), o Centro de Atendimento Materno Infantil Mater Christi celebrou 21 anos de atividades com uma missa em ação de graças, na Igreja Matriz Nossa Senhora da Penha, no bairro Honório Fraga, em Colatina, para marcar a ocasião.

O padre Ernandes Samuel Fantin, grande responsável pela fundação da instituição, foi quem presidiu a celebração eucarística. “Ele teve papel importante na história da instituição, pois, por meio de suas mãos, o projeto saiu do papel e se tornou realidade, em 1998”, observou a assistente social do Mater Christi, Ana Paula Costa Badiani.

A missa contou com a participação de colaboradores, voluntários, membros do Conselho Gestor e da comunidade da Paróquia Nossa Senhora de Penha.

O Mater Christi iniciou sua trajetória social atendendo gestantes em risco social. Com o passar do tempo, viu-se que a demanda de crianças em situação de negligência era alta e a instituição decidiu mudar o foco e se tornou uma casa de acolhimento para crianças e adolescentes grávidas ou com filhos.

Neste ano de 2019, a instituição cuidou de 19 crianças. Dessas, dez retornaram ao convívio com suas famílias ou foram adotadas. Ana Paula destaca que o retorno das crianças ao convívio familiar é um dos pressupostos da ação.  “No tempo em que elas vivem na casa, são cuidadas e amadas para que o acolhimento institucional seja o menos traumático possível”, disse.

Ao final da missa, a equipe do Mater Christi reservou um momento especial para agradecer a todas as pessoas que, de diferentes formas, ajudam a instituição a manter as portas do projeto abertas. Essa mensagem pode ser conferida, na íntegra, a seguir.

MENSAGEM DE AGRADECIMENTO

Hoje, queremos agradecer, em nome de todos que trabalham direta e indiretamente no Mater Christi, a Deus, em primeiro lugar, por ter nos abençoado com esse trabalho, dando-nos força, sabedoria e entendimento para lidar com as questões complexas que as crianças nos apresentam. Este trabalho, não só modifica a vida das crianças e de suas famílias, como nos transforma em seres humanos mais humanos.

Agradecemos a Diocese de Colatina que, há 21 anos, acredita e apoia o trabalho realizado pela Cáritas Diocesana de Colatina, que tem várias Unidades Filiais espalhadas pela Diocese, sendo uma delas o Mater Christi, localizado aqui, na base territorial da Paróquia Nossa Senhora da Penha. E, quando falamos de Diocese, nos referimos, em especial, aos fiéis que nela habitam. São por meio dos fiéis, do recolhimento do dízimo, que obras como o Mater Christi pode se sustentar.

Gratidão a todos os voluntários que, com seus corações solidários e generosos, dão o que podem para colaborar com o bem estar das crianças. Não poderemos citar nomes, pois, pela Graça Divina, temos inúmeras pessoas que nos ajudam, seja com doações de alimentos, material de higiene e limpeza, brinquedos, material escolar, medicação, consultas e exames e por meio dos carnês.

Reconhecemos a importância de nossos diversos parceiros e, de maneira honrosa, queremos lembrar a Vara da Infância e Juventude de Colatina, o Ministério Público e todos os órgãos de controle da Política da Infância e Juventude que tem respeito pelo nosso trabalho.

Somos gratos pela presença das irmãs, Filhas de Maria Imaculada, que dedicam ao Mater Christi, suas vidas com carinho e zelo.

Por fim, nossas singelas gratulações ao Padre Ernandes Fantin. Ele, sacerdote que inspira a Igreja a vivenciar a tríplice tarefa: o anúncio da Palavra de Deus, a celebração dos sacramentos e o serviço da caridade, foi o padre que gerou esse trabalho e, como uma mãe, ainda zela e cuida dessa instituição.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: