Cáritas e Pastoral do Menor participam de caminhada contra a violência infanto-juvenil

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Comunidade de Linhares unida contra a violência infanto-juvenil

A Pastoral do Menor e integrantes da Cáritas Diocesana de Colatina marcaram presença na caminhada contra a violência infanto-juvenil, promovida pela Secretaria de Assistência Social, em Linhares, no último sábado (18/5).

O objetivo foi estimular e sensibilizar a população para assumirem o compromisso de enfrentamento da violência sexual contra crianças e adolescentes.

O dia 18 de maio é uma data marcante no cenário da violência no Espírito Santo. Foi neste dia, em 1973, que a menina Araceli Cabrero Crespo, de apenas oito anos, desapareceu em Vitória. O corpo de Araceli foi encontrado seis dias depois em um terreno nos fundos do Hospital Infantil. Ela foi brutalmente espancada, drogada, violentada sexualmente e teve o rosto desfigurado por ácido. O crime nunca foi elucidado.

Com a promulgação da Lei Federal nº 9970, no ano de 2000, foi criado o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes e a data, 18 de maio, é uma homenagem à jovem Araceli.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: