Falece o arcebispo emérito de Marabá, dom José Foralosso

Dom José já pregou retiro para os padres da Diocese de Colatina

Faleceu, nesta quarta-feira (22/8), o arcebispo emérito de Marabá (PA) dom José Foralosso, que estava em coma há mais de dois meses. Marabá e Colatina são consideradas dioceses irmãs. Há alguns anos, dom José foi o pregador do Retiro Anual do Clero da Diocese de Colatina.

O arcebispo sofreu um Acidente Vascular Cerebral (AVC), quando celebrava missa no dia 5 de junho deste ano. Desde então, estava em coma no Hospital Regional Geraldo Veloso, em Marabá (PA). Dom José Foralosso pertencia à congregação dos Salesianos e foi ordenado bispo no ano de 1992, em Campo Grande (MS). Também atuou como bispo de Guiratinga (MT), no período de 1991 a 2000.

Confira, a seguir, nota de pesar emitida pela CNBB:

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) manifesta o seu pesar pelo falecimento de dom José Foralosso, bispo emérito de Marabá (PA). O falecimento ocorreu na manhã desta quarta-feira, 22 de agosto, em um hospital em Marabá. O bispo estava internando, em estado de coma, desde 5 de junho, quando teve um AVC enquanto celebrava a eucaristia.

A biografia de dom José tem a marca do entusiasmo e dedicação ao serviço pastoral. Italiano, fez a sua preparação para o ministério presbiteral em Roma, onde professou como religioso Salesiano. Em sua congregação, colaborou por alguns anos na formação e na pastoral paroquial.

Transferido para o Brasil, atuou, por mais de vinte anos, em diversas paróquias, e fez o curso superior de pedagogia. Em 1991, foi nomeado pelo papa João Paulo II como bispo da diocese de Guiratinga (MT), onde esteve até 2000, quando foi transferido para Marabá (PA).

Seu lema episcopal “Ut vitam habeant” (Para que tenham vida) resume a dedicação com que serviu à Igreja em frentes desafiadoras da ação evangelizadora. Estamos unidos aos familiares de dom José, a dom Jesus Maria, Administrador Apostólico, aos religiosos salesianos e ao povo de Marabá. Agradeçamos a Deus, na experiência de confiança e de fé nas promessas do Ressuscitado.

Dom Leonardo Ulrich Steiner
Bispo auxiliar de Brasília
Secretário geral da CNBB

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: